Estudantes constroem foguete impresso em 3D

Estudantes da Universidade de Ciências Aplicadas de Inholland na Holanda, constroem um foguete , utilizando apenas peças impressas em 3D.

estudantes constroem um foguete em 3d Estudantes constroem foguete impresso em 3D Rocket 1

O cone do foguete totalmente impresso em 3D

Como parte de seu curso de tecnologia de aviação, os estudantes da Universidade de Ciências Aplicadas de Inholland desenharam e construíram foguetes utilizando impressoras 3D da Ultimaker.  Visto que, para fazer um foguete é necessário ter em conta vários elementos, tais como a aerodinâmica, peso e força, basta algum elemento não bater certo para todo o projecto ir por água abaixo. No entanto para estes estudantes isso não é problema, dado que já tinham lançado (e aterrado) com sucesso 2 foguetes, ambos feitos com peças 3D e composites, ambos com aproximadamente 2.50m de altura. Agora o objectivo dos estudantes é fazer um foguete funcional, totalmente impresso em 3D.  Para construírem este foguete os estudantes tiveram de refazer o processo de design por completo, devido ao facto das propriedades das peças impressas em 3D serem diferentes dos materiais anteriormente usados.

Na educação a impressão 3D pode funcionar como elo de ligação entro exercícios prático e a teoria. Visto isto a Universidade de Ciências Aplicadas de Inholland incluiu a impressão 3D no curso. Assim os alunos podem rapidamente imprimir as suas ideias, testando e melhorando alguns aspectos, sem terem de se preocupar com o tempo de produção e os custos.
Martin Kampinga, professor responsável pelo projecto, considera que todas as universidades ( da área tecnológica) devia fornecer, nos seus curso, aulas de impressão 3D. Preparando os alunos para que ao entrarem no mercado de trabalho, estes estarem familiarizados com a impressão 3D.

A Universidade disponibilizou para download o projecto do foguete.

O modelo de impressoras utilizado é a Ultimaker 2 Extended+.

 

Sobre o autor:

Lucas Azevedo

Deixe o seu comentário