Impressão 3D, nova revolução industrial

A impressão 3D está a conseguir infiltrar-se no mundo industrial. Para alguns, esta “nova tecnologia” (nova para o consumidor doméstico, pois é uma tecnologia que existe desde a década de 80), é a nova evolução industrial, pois consegue criar objetos que respondem as necessidades dos usuários, como um novo método: a personalização.

Hoje em dia, o modelo de produção em série é dominante no mundo industrial. O que faz com que produtos tenham sempre o mesmo padrão, condicionando trabalho aos designers. Mas com as impressoras 3D, esse padrão é quebrado. Desenhadores e engenheiros têm mais liberdade de criação e conseguem rapidamente materializar uma ideia e testa-la, até mesmo com a colaboração do consumidor final.  Ao adaptar-se ao gosto do cliente , o desenho acaba por ser evolutivo e flexível.

Vejamos o vídeo abaixo, em que este mostra-nos algumas aplicações implementadas e tendência de novas aplicações:

O vídeo está muito bem feito, mas penso que focou muito no alto valor de investimento para entrar no mundo 3D. Neste momento, temos impressoras do preço de um iPhone que consegue realizar bons trabalhos. Podiam também citar a comunidade RepRap, uma impressora voltada para makers  a um preço bastante acessível (por volta de 500€).

No futuro, imaginamos o seguinte cenário:  preciso de um botão do tablier de um carro que partiu. A própria empresa que vendeu-nos o carro, poderá enviar o arquivo para imprimirmos em nossa casa. Ou comprarmos em uma loja virtual.É claro que o mercado negro também alimentará a pirataria nesse setor, mas o que salvou a indústria musical, foi a compra facilitada do arquivo digital (iTunes) e posteriormente serviço de streaming  de música (Spotify). Continua haver pirataria no mundo da música, mas a facilidade e o preço acessível torna-se atrativo ao consumidor final.

O arquivo chegando em nossa casa, ou mesmo nós podemos desenhar o botão para o tablier, poupamos diversos recurso e custos. Veja a imagem abaixo:

Impressão 3D, nova revolução industrial Impressão 3D, nova revolução industrial revolu    o 3d1 1024x259

 

De | 2016-12-13T22:36:21+00:00 11/12/2016|Categorias: Indústria|Tags: , , , , , , , |1 comentário

Sobre o autor:

Marlon Gomes
Tenho 11 anos de experiência em reparações de electrónica, mas a curiosidade e experimentações provém desde a infância. Há cerca de quatro anos uma nova paixão surgiu: a impressão 3D. Foram três anos de estudos e cerca de um ano, criamos a 3DMartes. Projeto que explorará todo o universo da impressão 3D, com o foco de criar uma marca que seja referência para este universo de três dimensões.

Um comentário

  1. Barbosa 24 Abril, 2017 em 21:28 - Responder

    Bom dia,

    Gostaria de ter um orçamento ou valor aproximado caso decidisse fazer a impressão de um tablier completo.
    O tablier em questão seria de um Citroen Ax (versão mk1).
    O tablier que equipava os mk1 era todo em plástico e ao longo dos anos rachava e partia facilmente.
    A minha ideia seria imprimir um novo, com uma liga de plástico mais resistente e/ou mais reforçado.

    Grato pela vossa atenção.

Deixe o seu comentário